Novela: Da Silva e Gari podem assumir hoje, mas...

Imprimir

Caso os vereadores Carlos Eimar Mariucci (PT) e Adilson de Jesus Cintra (PSB) não consigam junto ao  Tribunal Superior Eleitoral, onde o ministro Luiz Fux, analisa uma liminar de ação rescisória que pede a nulidade da sentença monocrática do ministro João Otávio de Noronha, que em agosto determinou o recálculo dos votos para vereador das eleições municipais de 2012 em Maringá, os novos vereadores diplomados João Batista da Silva e Luis Steinle de Araújo (PDT) assumirão as cadeiras no legislativo municipal na sessão de hoje a partir das 16h.
O imbróglio se arrasta por quase dois anos, e o capítulo final dessa novela ainda está longe, a posse de Da Silva e Luizinho Gari acontecerá, porém, caso a decisão da liminar seja favorável à Mariucci e Cintra, os dois retornam aos cargos .
Mais interessante é o caso da vereadora Marly Martin Silva (PPL), que é a 2ª suplente da coligação, ela assumiu há exatos três meses na vaga de  Mário Verri (PT), que se licenciou para concorrer a uma cadeira na Assembleia Legislativa, com todo esse troca-troca, quem de fato passa a ser o 1º suplente de Verri é o vereador Mariucci, mas para isso se formalizar, ele necessita ser diplomado como suplente de Verri, ou seja, precisa apresentar um diploma expedido pela Justiça Eleitoral informando a sua nova condição, por que até então ele tem um diploma de vereador e não de suplente.
Confusão formada pelo retrógrado sistema eleitoral brasileiro que necessita urgentemente de uma reforma.
Acompanhe os próximos capítulos...

Última atualização ( Qui, 25 de Setembro de 2014 12:57 )