Secretário garante que terá elucidação a morte de radialista

Imprimir

O secretário de Estado da Segurança Pública, Reinaldo de Almeida Cesar participou, na semana passada, do 2º. Congresso Estadual de Estudos Jurídicos sobre os Atos da Polícia Judiciária, realizado no anfiteatro da UDC (União Dinâmica de Faculdades Cataratas).
O evento foi promovido pela Polícia Civil de Foz em parceria com o Conselho Comunitário de Segurança (Conseg), com o intuito de promover a integração da PC com a comunidade e os demais órgãos ligados à Justiça.

O secretário comentou ainda, sobre a elucidação do assassinato que vitimou o radialista Divino Aparecido Carvalho, o Carvalho Júnior, no dia 26 de março. Desde o crime, a polícia vem investigando o caso e sustenta que o esclarecimento está próximo. "Acompanho desde o primeiro dia, desde o acontecido lamentável, liguei para o Dr. Nelson (Rádio Cultura) colocando toda a estrutura da secretaria de segurança à inteira disposição para a investigação. Conversei todo esse período com o Dr. Rogério Lopes, com a equipe da 6ª. SDP e recebi a notícia de que a investigação caminhou muito bem e é importante que ela aconteça, a sociedade iguaçuense quer saber qual a razão, a causa porque ocorreu este triste fato.
"O jornalista Carvalho Júnior era uma referência no jornalismo e é preciso que se esclareça os fatos. A população de Foz do Iguaçu certamente terá o fato esclarecido pelas notícias que tive em breve tempo", garante o secretário. (inf Cultura AM/Foz)

Última atualização ( Sáb, 30 de Junho de 2012 13:38 )