Marialvense caiu no golpe do bilhete premiado em Mandaguari

Imprimir

Na manhã desta quarta-feira (23), Darci Rosada, estava indo apanhar lavagem para porcos num restaurante de Marialva quando foi abordado por um homem claro, aproximadamente 70 anos e com uma camisa amarela. O homem queria saber onde ficava uma determinada rua, e na conversa simples, disse ter um bilhete premiado em 1 milhão de reais.
Na sequência apareceu um casal que convidou Darci para comprar o bilhete, em seguida se deslocaram até Mandaguari, onde a vítima fez um empréstimo automático de R$ 2.500,00 no Banco Itaú. Já de posse do dinheiro, o rapaz pediu para o Darci comprar água em um mercadinho nas proximidades da Igreja Matriz Nossa Senhora Aparecida e até lhe deu uma cédula de 2 reais.
Quando Darci voltou, o trio de golpistas havia fugido num veículo VW/Gol de cor bordô, restando apenas registrar queixa na Polícia Civil de Mandaguari. (inf Rubens Silva)