Professora é afastada por suposta agressão a aluno de escola de Maringá

Imprimir

O fato teria ocorrido há duas semanas no CMEI Laura Parente Bossolan, na Vila Esperança. A denúncia é de que uma professora identificada apenas pelo pré nome de Camila, teria com um copo plástico ferido a boca de uma criança. Os pais da criança notaram o sangramento quando ela chegou em casa. Após outras supostas denúncias de maus tratos em outras crianças na qual a professora era responsável, o caso foi levado ao conhecimento da  Secretaria de Educação do Município.
Em nota a Seduc informou que a denúncia foi registrada há duas semanas e a professora foi afastada, e aberto um processo de sindicância que se encontra em andamento. "Após a conclusão do processo a Seduc tomará as medidas necessárias sobre o caso," conclui a nota.