Jornal tendencioso

Imprimir

Com a maldosa foto publicada na página do jornal O Diário desta quarta-feira, e estranhamente com apenas meia dúzia de linhas que descrevem uma situação que pode ser forjada a qualquer instante apenas com uma foto na Câmara de Vereadores de Maringá.
No velho hábito do sistema O Diário (o toma lá dá cá) que todos já conhecem, a "matéria" se é assim que podemos chamá-la, retrata um instante em foco fechado de um chapéu que está sobre a mesa do vereador Jones Dark, dizendo  "à espera do dono."
Pois bem, a foto maldosa não está no plano aberto, poderia muito bem o vereador está mais ao lado, ou mesmo a sessão nem ter começado, ou estar suspensa por alguns minutos como é de praxe em todas as sessões, por isso a "matéria" é tendenciosa e maldosa. Nossa reportagem mesmo pode se aproveitar de um instante e fotografar um paletó sobre a cadeira de um vereador e publicar apenas a imagem do paletó e dizer que está a espera do dono há muito tempo, imagens podem ser distorcidas, basta querer.
Em verdade é que a popularidade do vereador Jones Dark, (eleito com 3960 votos) atinge em cheio outros vereadores enciumados, constantemente pessoas vão até seu gabinete para conhecê-lo, sue apelo no rádio e tv o tornam sem dúvida um dos mais populares legisladores que já passaram pela Câmara.
O seu jeito simples e ainda se inteirando da situação na Câmara, pode até desagradar a alguns, suas idéias, projetos podem ser bons ou ruins, mas cumpre seu papel, engana-se a competente jornalista Vanda Munhoz (se dispor a esse tipo de "matéria", possivelmente cumprindo ordens) ao mencionar que os outros parlamentares debatem leis e requerimentos e que supostamente Jones Dark ali não estava, como ela não acompanha diariamente o trabalho do legislativo, não atentou em pelo menos observar os projetos e requerimentos já propostos pelo vereador, assim como a sua excepcional assiduidade na Casa.
Ao falarmos de alguém precismos olhar para nós primeiro, estranhamento o jornal O Diário começou uma campanha "Quero o Horto de Volta", mas por exemplo, os seus proprietários já devolveram parte do terreno que foi agregado ilicitamente ao terreno que serve de sede do transmissor da rádio Cultura AM, localizado no Contorno Sul? A cerca havia avançado (como em um passe de mágica) sobre a continuação da estrada Carlos Correia Borges, a denúncia foi parar na Promotoria de Defesa do Patrimônio Público, nas mãos do promotor Jose Aparecido da Cruz.
O mesmo jornal já publicou uma foto em primeira página do vereador Mário Verri em situação  capciosa ao lado da ministra Gleisi Hoffmann, sem a menor necessidade, sabemos que um fotógrafo registra diversas poses e justamente a mais vexatória foi a escolhida.
Parafraseando o nobre Deputado Odilio Balbinotti, "ciúmes de homem é pior do que de mulher !"

Última atualização ( Qua, 24 de Abril de 2013 13:18 )