Usuários e dependentes de drogas participam de oficinas em Maringá

Imprimir

A Oficina de Prevenção ao Uso de Drogas (Opud) dará início a mais duas turmas. A 27ª turma terá início nesta quarta-feira (28), às 19 horas e a 28ª na sexta-feira da próxima semana (7), às 14 horas.
Desde que entrou em funcionamento, em 2008, o Opud já atendeu mais de 450 pessoas. O programa é voltado para usuários de drogas com mais de 18 anos que tenham respondido ou estão respondendo a procedimentos ou processos de natureza criminal perante a Justiça. O projeto é uma parceria entre o Conselho Comunitário de Segurança de Maringá (Conseg), o Juizado Especial Criminal, as Varas Criminais e Vara de Execuções Penais.
O objetivo é oferecer aos usuários e dependentes de drogas acompanhamento e tratamento, visando o cumprimento das penas alternativas e a diminuição da reincidência, por meio da advertência sobre o consumo dessas substâncias, do encaminhamento para a rede de recursos comunitários, além da promoção da reinserção social.Os beneficiados passam por uma triagem social e psicológica individual, para verificação da condição jurídica, de saúde mental e socioeconômica. Em seguida, são encaminhados para um trabalho em grupo.
Para quem não tem antecedente, o acompanhamento tem duração de cinco meses e para reincidentes, são dez meses. Segundo a psicóloga Gisele Mara Ramos, o intuito do Opud é trabalhar a informação e conscientização do dependente químico sobre os malefícios que as drogas causam. “Os usuários sabem usar as drogas, mas não sabem o que elas causam no organismo. Nosso trabalho é justamente transmitir estas informações e trabalhar a reinserção na sociedade. E tem dado certo, pois desde 2008 tivemos apenas 3,5% de reincidência, ou seja, de usuários que voltaram a cometer crimes”, explica. 
Os encontros da Opud acontecem no Salão de Júri do Fórum Central de Maringá. Mais informações pelo telefone (44) 3261-2978.