Secretaria de Saúde celebra Dia Nacional de Combate ao Fumo com atividades

Imprimir

Nesta quarta-feira (29), Dia Nacional de Combate ao Fumo a Secretaria de Saúde de Maringá promoveu ações de conscientização em parceria com a Secretaria de Transportes.
As equipes atuaram no Terminal Urbano orientando a população e divulgando os serviços oferecidos pela Prefeitura para quem quer parar de fumar. O trabalho da Prefeitura de Maringá com relação ao tabagismo consiste na prevenção e no tratamento.
Para celebrar a data foi realizado na semana passada o III Seminário de Promoção da Saúde, Prevenção e Controle do Tabaco, que reuniu mais de 200 pessoas de Maringá e região. Mais de 2 mil atletas também participaram da IX Maratona Pare de Fumar Correndo, realizada no último domingo (26). A tradicional prova de revezamento reuniu 250 equipes em disputas 42.195 metros de percurso.
Além das ações concentradas próximo ao Dia de Combate ao Fumo, a Secretaria de Saúde disponibiliza grupos de apoio aos fumantes nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e no Centro de Atenção Psicossocial para Álcool e Drogas (CAPSad). Equipes multi profissionais auxiliam pessoas que estejam dispostas a deixar o vício com reuniões. Psicólogos, assistentes sociais, médicos e enfermeiros da rede pública de saúde de Maringá integram as frentes municipais de apoio ao fumante. “Eles são capacitados pelo Instituto Nacional do Câncer (Inca) e estão preparados para a demanda de pacientes interessados no tratamento ”, afirma a coordenadora de Saúde Mental de Maringá, Patricia Moia Pepi.
Os grupos realizam eventos de informação e conscientização com os participantes. Os profissionais trabalham a orientação dos fumantes e também atuam na prevenção do tabagismo.
Em ações conjuntas, a Secretaria de Educação e a Secretaria de Assistência Social, encaminham os fumantes para estes grupos. Para a coordenadora, “os participantes veem nos grupos uma oportunidade de saída do vício. Nossas equipes trabalham os pacientes de forma particularizada, de acordo com as necessidades de cada um ”, destaca Pepi. “Os fumantes apenas são encaminhados para tratamento medicamentoso se for constatada real prioridade. Caso contrário, os encontros com nossos apoiadores são suficientes ”.
Fumantes dispostos a deixar o tabaco podem procurar voluntariamente os grupos de tratamento, através das UBSs. As reuniões são periódicas e abertas para todos os interessados. (inf Ass Com PMM)

Última atualização ( Qui, 30 de Agosto de 2012 09:56 )