Privatização do lixo: Fedeu...

Imprimir

caminhão de lixo

O juiz Fabiano Rodrigo de Souza, da 2ª Vara da Fazenda Pública de Maringá, concedeu nesta sexta-feira liminar solicitada em ação civil pública pelo Ministério Público Estadual e suspendeu a contratação da empresa Constroeste, feita através de concorrência pela administração Barros/Pupin.
A suspensão atinge todos os efeitos do contrato firmado entre os dois réus (município e empresa), bem como a execução dos serviços contratados e quaisquer pagamentos deles correntes, “salvo os pagamentos de serviços já efetuados até a data da primeira intimação desta decisão por um dos réus”.
(leia mais)