Policial

Sindicalista é preso por comandar incêndio, segundo a polícia

Pelo menos uma prisão resultou da ação da Polícia Civil de Sarandi realizada hoje, 11, pela manhã contra suspeitos de terem participado do incêndio em seis ônibus que estavam na garagem da empresa Cidade Verde, em 23 de setembro. Nem todos os mandados, porém, foram cumpridos.
Um dirigente do Sindicato dos Motoristas Rodoviários de Maringá foi preso na chamada Operação Ludismo, trata-se de Odair José de Moura, suspeito de comandar a ação dos incendiários. O preso, que mora em Sarandi, estava com o VW Polo utilizado para transportar os autores do atentado. A operação também teve como alvo pessoas de Sorocaba e Votorantim (SP); os suspeitos, porém, não foram encontrados. Foram apreendidos documentos na sede do Sinttromar, em Maringá. A Polícia Civil informou que as investigações continuam.

Mostrar mais

Notícias Relacionadas

Botão Voltar ao topo

Bloqueador de Anúncios Detectado

Por favor, desative seu bloqueador de anúncios para continuar. Obrigado.