Incêndio no Parque Nacional da Serra do Cipó consome quase quatro mil hectares

O fogo começou na última terça-feira (8), fora dos limites do parque, em uma região conhecida como Mata das Flores, em Itabira, na Região Central do estado. Incêndio atinge Parque Nacional da Serra do Cipó, em MG
O fogo que atinge o Parque Nacional da Serra do Cipó, em Itabira, na Região Central de Minas Gerais, já queimou mais de 3,5 mil hectares desde esta terça-feira (8) quando o fogo começou. A área total da unidade de conservação é de 33.800 hectares. O parque protege hoje diversas espécies da flora e da fauna brasileiras ameaçadas de extinção
“ Essa estimativa de área queimada pode ser muito maior porque aguardamos as informações por satélite. O incêndio se espalhou em várias frentes por causa dos fortes ventos, mas as brigadas conseguiram conter a linha de fogo , evitando que as chamas chegassem na áreas mais visitadas do parque”, disse o gestor do parque, Leandro Pereira Chagas.
Incêndio interrompe atividades no Parque Nacional da Serra do Cipó
Reprodução/Corpo de Bombeiros
Por questões de segurança, a visitação está suspensa temporariamente. O incêndio começou fora dos limites do parque, em uma região conhecida como Mata das Flores.
Na tarde de quarta-feira (9), brigadistas receberam auxílio de militares do Corpo de Bombeiros que realizavam um treinamento próximo à parte alta do parque, tradicional ponto de apoio aos praticantes de travessias.
Incêndio interrompe atividades no Parque Nacional da Serra do Cipó
Reprodução/Corpo de Bombeiros
Segundo o Corpo de Bombeiros, o fogo se alastrou e chegou à Serra da Bandeirinha, na parte superior da Cachoeira da Farofa, um dos principais pontos turísticos do Parque Nacional da Serra do Cipó.
Nesta sexta-feira, cerca de 70 brigadistas, um helicóptero e dois aviões trabalhavam no combate às chamas.
Cachoeira da Forofa no Parque Nacional da Serra do Cipó
Rafael Aquino Nogueira/ICMBio