Maringá Volei: Um ano para esquecer

Com o cancelamento da Superliga Masculina 2019/2020 em abril, decidida pela Confederação Brasileira de Vôlei em função da pandemia, o Maringá Vôlei dispensou jogadores e funcionários.
O clube, que já vinha enfrentando problemas com a falta de repasse de recursos do seu patrocinador (o Denk Academy) desde novembro do ano passado, teve a situação financeira prejudicada. A torcida tentou uma vaquinha pela internet, mas dos R$ 1,8 milhão almejados obteve-se apenas R$ 15.540,00.
O clube não funciona mais na avenida Governador Parigot de Souza e a imobiliária não conseguiu resolver as pendências de forma amigável. Ontem decidiu-se entrar com ação judicial contra o locatário e o fiador, por conta de quatro aluguéis em atraso. (inf Angelo Rigon)


Warning: A non-numeric value encountered in /home/maringamanchete/www/wp-content/themes/Newspaper/includes/wp_booster/td_block.php on line 352