Museu do Videogame Itinerante será uma das atrações da Expoingá

0
42

Please enter banners and links.

Depois do sucesso em 2017, o Museu Itinerante do Videogame está de volta à Expoingá 2018, trazendo diversão para pessoas de todas as idades, com seus mais de 300 consoles e jogos que contam a história dos 46 anos de criação dos games no mundo.
Além de conhecer a história dos videogames, as pessoas podem experimentar jogos antigos e, também, os mais recentes lançados do mercado. Primeiro do gênero no país, o Museu reúne gerações de games, que vão do Telejogo, Atari, Nintendinho, Master System, Mega Drive e Super Nintendo, aos mais recentes modelos, como PlayStation 4, Xbox One e Wii U.
O Museu Itinerante do Videogame foi criado pelo jornalista Cleidson Lima, a partir de sua coleção pessoal de games. Quando a casa já não tinha mais espaço para guardar tantos jogos, ele e a esposa resolveram começar a organizar as peças e não pararam mais, sempre adquirindo as últimas novidades e buscando os games mais raros do mundo.
Esse passeio pela história fascinou os visitantes da Expoingá em 2017 e o Museu foi o lugar mais visitado da feira. “Achamos que valeria a pena trazê-lo de volta este ano, porque as pessoas gostaram muito”, comenta Maria Iraclézia de Araújo, presidente da Sociedade Rural.
Conforme Cleidson Lima, o Museu tem um formato padrão, mas procura inovar nas atrações. As pessoas podem participar de concursos de Just Dance (imitação dos movimentos dos dançarinos virtuais) e os cosplay (aqueles que usam fantasias de seus personagens preferidos) também poderão ser uma atração à parte neste espaço.
Segundo o diretor do Museu, a experiência no primeiro ano de Expoingá foi excelente. “Vimos que o povo em Maringá é muito tecnológico. A cidade tem a tecnologia na veia e estamos prontos para receber um público ainda maior este ano”, disse ele.

Grafite ornamenta o local
O Museu este ano está decorado com pinturas em grafite, mostrando a linha do tempo do videogame, com personagens históricos, consoles que marcaram gerações, além de jogos que estão em alta no momento.
Ícones clássicos como Pac-Man, Mario, Donkey Kong, Sonic, lutadores da franquia Street-Fighter e Mortal Kombat, são algumas das pinturas que deixam o ambiente mais formoso para o público visitante.
Responsáveis pela identidade visual, os artistas Diego Hang e Jucie Charles, revelam que o processo de montagem envolveu toda uma pesquisa até que o rascunho fosse esboçado e pronto para a pintura e finalização do projeto.


Warning: A non-numeric value encountered in /home/maringamanchete/www/wp-content/themes/Newspaper/includes/wp_booster/td_block.php on line 352