Saúde

“Pacto pela vida” não adota lockdown, mas inclui lei seca a partir das 17h e mudança do horário do comércio

Nesta manhã o maringaense vai conhecer as novas medidas restritivas, parte do chamado ‘pacto pela vida‘, tomadas diante do aumento exponencial de casos de novo coronavírus e a adoção da bandeira laranja. Uma delas é a adoção a lei seca a partir das 17h. Não se trata de lockdown. A ideia é conter a circulação do vírus e reduzir internamentos; dois hospitais particulares chegaram à capacidade máxima, na semana passada. Algumas das medidas, tomadas após entendimento entre poder público e representantes da comunidade, são:
Lei seca todos os dias, a partir das 17h, proibindo venda de consumo de bebidas alcoólicas em todos os estabelecimentos (bar, restaurante, lanchonete, supermercado, disque-cerveja etc). A lei seca também será estendida durante todo o sábado e domingo.
O horário de funcionamento do comércio, que hoje é das 8h às 18h, mudará: será das 10h às 19h, por causa do transporte coletivo.
O comércio de rua, shoppings e prestadores de serviços serão fechados aos sábados e domingos. Os estabelecimentos não poderão usar as calçadas.
Suspensão de missas e cultos presenciais. Igrejas e secretarias podem ficar abertas para atendimento individual.

Mostrar mais

Notícias Relacionadas

Botão Voltar ao topo

Bloqueador de Anúncios Detectado

Por favor, desative seu bloqueador de anúncios para continuar. Obrigado.