Rapaz morre ao tentar atropelar policiais militares com carro furtado

A Polícia Militar de Maringá na madrugada desta segunda-feira (7) estava em patrulhamento nas imediações do Conjunto Odwaldo Bueno Netto quando policiais avistaram o veículo VW Gol, placa de Marialva, em atitude suspeita. Ao sinalizar para que o condutor parasse o veículo, os suspeitos começaram a fugir da viatura.
Durante acompanhamento tático, no cruzamento da Avenida Guedner com Nildo Ribeiro da Rocha, o veículo Gol bateu contra uma árvore. Os policiais se aproximaram para realizar a abordagem, neste momento o motorista deu marcha ré e direcionou o veículo contra a guarnição com o objetivo de atropelar os soldados.
Um dos policiais militares efetuou disparos que atingiram o suspeito que conduzia o automóvel. O motorista morreu na hora.


Um casal, que estava como passageiros, ficou ferido por causa da colisão. Ambos relataram que o carro havia sido furtado na noite de domingo na frente do Terminal Rodoviário.
No veículo foi encontrado uma chave mixa improvisada que os ladrões usaram para furtar o automóvel. O corpo de Luis Fernando Pereira, 20 anos, morador do Conjunto Zambaldi, em Marialva, foi reconhecido no IML por familiares. (inf/foto André Almenara)