Senador Alvaro Dias ficou com medo

0
844

Please enter banners and links.

O senador Alvaro Dias (PV) preferiu não fazer campanha em Maringá para seu próprio partido, que está na vice de Ulisses Maia (PDT) com o professor Edson Scabora. Em nenhum momento ele divulgou preferência para a chapa majoritária em Maringá, embora tivesse prometido que iria ajudar onde o PV estivesse com candidato a prefeito ou a vice.
Chegou até gravar vídeos de apoio a candidatos de outro partido em Maringá.
No segundo turno, aparentemente, a situação não vai mudar. Só que agora, aparentemente, seu partido não faria questão. (por Angelo Rigon)
Como teve o apoio do grupo político de Ricardo Barros em 2014, optou em se esconder, ao invés de dar apoio aos próprios correligionários do partido, para não se queimar com a família  Barros. Errou feio.


Warning: A non-numeric value encountered in /home/maringamanchete/www/wp-content/themes/Newspaper/includes/wp_booster/td_block.php on line 352