Vítimas de Homero Marchese recebem valor de multa imposta a ele pela justiça

vereador Homero Figueiredo Marchese (Pros)

O deputado estadual Homero Figueiredo Lima e Marchese (Pros) recolheu em julho do ano passado a multa a que foi condenado a pagar à Rádio Jovem Pan, MR Ferreira e aos jornalistas Agnaldo Vieira e Angelo Rigon. Os valores da multa às vítimas foram repassados pela justiça na semana passada.
Marchese foi condenado a pagar 2% do valor de uma ação que ele moveu, e perdeu, contra os quatro, porque a justiça entendeu que o parlamentar ajuizou embargos de declaração meramente protelatórios. A decisão da Turma Recursal é de abril do ano passado.
Em 2017, alegando ter sido ofendido por causa das críticas ao seu trabalho na câmara municipal (ele foi vereador por meio mandato), o hoje parlamentar ingressou com ação por danos morais contra os jornalistas Agnaldo Vieira e Angelo Rigon e contra a Rádio Jovem Pan e MR Ferreira. Em primeira instância, o 3º Juizado Especial Cível julgou improcedente o pedido em relação aos comentaristas do Pan News e condenou as duas empresas, que recorreram à 1ª Turma Recursal dos Juizados Especiais. A juíza Vanessa Bassani reformou a sentença e deu provimento ao recurso, considerando que não houve ofensa e que a emissora concedeu ao deputado a oportunidade de se manifestar, que ele preferiu não utilizar.


Warning: A non-numeric value encountered in /home/maringamanchete/www/wp-content/themes/Newspaper/includes/wp_booster/td_block.php on line 352