EsporteParaná

Coritiba e Maringá empatam em 1 a 1 no Couto Pereira

Coritiba e Maringá empataram em 1 a 1, na noite desta quarta-feira (23), no Estádio Couto Pereira, em Curitiba. A partida, pela segunda rodada do Campeonato Paranaense, foi resultado das posturas dos dois times e de uma falha do goleiro Wilson, ainda no primeiro tempo. Enquanto o Maringá entrou em campo para marcar e reduzir o espaço do Coritiba, o coxa procurou jogo pelas laterais mas só se destacou nos lances com bola aérea.

Veja como foi a partida:

A primeira etapa do confronto entre Coritiba e Maringá terminou empatada em 1 a 1. Em um jogo sem grandes destaques, os dois times entraram em campo com propostas bem evidentes. Enquanto o Maringá Futebol Clube tentava segurar a movimentação do coxa, reduzindo os espaços e avançando a marcação, o Coritiba procurava espaço para jogar pelas laterais.
Sávio e Iago Dias, tentavam pela direita, mas paravam nas mãos do goleiro Victor. Se com as bolas no chão o time do Coritiba não acertava, foi em uma bola alta que o coxa abriu o placar com Alan Costa, aos 26 minutos do primeiro tempo. A cobrança de Sávio foi certeira, na cabeça do zagueiro, que subiu sem marcação e colocou a bola nas redes.
Após levar o gol, o Maringá FC tentou a mudar a postura e trocou o volante Renan, pelo meio campista Jean. Em um passe errado fora da área do coxa, Tiago Orobó deu um carrinho e conseguiu antecipar a bola, que seria para o goleiro Wilson. Sozinho, de frente para o gol, Orobó só arrastou a bola para dentro e empatou a partida.
O Coritiba ainda pressionou durante os acréscimos, sempre em bolas aéreas, mas parou no goleiro Victor.

Agressividade sem criatividade não deu resultado
O Coritiba entrou no segundo tempo para dominar a partida. A equipe se soltou e mostrou agressividade com lançamentos, bolas longas e até lances individuais. Aos 10 minutos da segunda etapa, Orobó quase marcou o segundo e parou nas mãos de Wilson.
Aos 15 minutos, Igor Jesus, jogador revelado na base do Coxa, entrou no lugar de Mateus Bueno.
A equipe da cidade canção não alterou o esquema tático durante a partida, mesmo com a entrada do meio campo Silas. Aos 31 minutos, o meia arrematou de fora da área e fez Wilson se esticar para espalmar a bola para fora.
Após os 40 minutos, a pressão foi toda do time do Coxa, que aproveitou bolas aéreas para levar perigo ao gol de Victor, mas sem sucesso. (inf Massa News)

Mostrar mais

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Bloqueador de Anúncios Detectado

Por favor, desative seu bloqueador de anúncios para continuar. Obrigado.