BastidoresMaringá

Fechando o ralo

A administração Ulisses Maia, em 8 meses, gastou 54,34% menos com cargos comissionados que seu antecessor, Carlos Roberto Pupin, gastou em 2016. Foi uma goleada em favor do erário: enquanto o pepista gastou R$ 16.339.746,62 pagando quase cinco centenas de CCs, o pedetista gastou R$ 7.459.685,35.
Outras reduções significativas foram constatadas na aquisição de material de consumo em geral (23% a menos) e na compra de peças e serviços para os veículos da frota municipal (24% a menos).
Com estas e outras economias (locações de imóveis, folha de pagamento e combustível) foi possível economizar mais de R$ 20 milhões em oito meses. O dobro da primeira parcela da trimestralidade, que vai reparar a injustiça cometida pela administração Barros com o funcionalismo público municipal. (inf Angelo Rigon)

Mostrar mais

redação

contato (44) 99803-1491 [email protected]

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Bloqueador de Anúncios Detectado

Por favor, desative seu bloqueador de anúncios para continuar. Obrigado.