Esporte

Maradona deseja treinar a Argentina na Copa de 2018

Técnico da Argentina entre 2008 e 2010, Diego Maradona declarou nesta segunda-feira que gostaria de voltar a comandar a seleção do país na Copa do Mundo de 2018, que será disputada na Rússia.
“Continuo sendo argentino e vou morrer argentino. Não é que eu esteja me oferecendo. Estou dizendo que o técnico dentro de mim não morreu e o cheiro do gramado continua a me atrair tanto como uma mulher bonita”, admitiu o ex-jogador em entrevista à rádio Rivadavia.
Com Maradona como treinador, a Argentina chegou até as quartas de final na Copa
do Mundo de 2010, fase em que foi eliminada ao ser goleada por 4 a 0 pela Alemanha.
A respeito das negociações da Associação do Futebol Argentino (AFA) com o técnico do Sevilla, Jorge Sampaoli, para que assuma o cargo na seleção após a demissão de Edgardo Bauza, o ex-jogador foi claro.
Não sei. Está muito inflado o caso de Sampaoli. No Chile, ele estava fazendo uma carreira bárbara. No Sevilla, ele não para e me parece que é um dos candidatos, mas não acho que seja o justo“, ressaltou. (leia mais UOL)

Mostrar mais

redação

contato (44) 99803-1491 [email protected]

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Bloqueador de Anúncios Detectado

Por favor, desative seu bloqueador de anúncios para continuar. Obrigado.