Trabalho

Nota de esclarecimento da TCCC

A TRANSPORTE COLETIVO CIDADE CANÇÃO LTDA. vem, por meio deste comunicado, repudiar a ilegal paralisação do Sistema de Transporte Coletivo Urbano de Passageiros realizada no dia de hoje pelo Sinttromar.
A paralisação que foi deflagrada tem o inconveniente de agravar, ainda mais, a terrível crise de saúde pública que atravessa o país. Não é a empresa que está sendo penalizada pela ilegal paralisação realizada pelo Sinttromar, mas a população como um todo, que já sofreu hoje, e irá continuar sofrendo, com a falta de transporte tão essencial neste momento para locomoção dos profissionais da saúde, assim como as atividades econômicas, já tão combalidas pela Pandemia do COVID-19, que verão agravadas ainda mais a crise e aumentarão o perigo do desemprego.
Parar a cidade de Maringá neste momento não é uma atitude patriótica e merece todo o nosso repúdio. Nesse sentido, cumpre registrar que, a pedido desta Concessionária, a 5ª Vara do Trabalho de Maringá deferiu ordem liminar, no sentido determinar ao Sinttromar que se abstenha de impedir ou mesmo dificultar a livre locomoção dos veículos e pessoas, bem como o acesso às garagens e Terminais (Interdito n. 0000307-48.2021.5.09.0872).
Em relação à falta de pagamento integral dos salários dos funcionários no último dia 07/04/2021, vez que o mesmo foi pago de forma parcial, cumpre informar a toda população que este fato ocorreu em razão do grave colapso financeiro por qual passa o Sistema de Transporte Coletivo Urbano, não só do Município de Maringá, mas sim de todo o país, em função da severa queda de passageiros transportados, ocasionada pela pandemia da COVID-19.]
Ressalta-se, por fim, que ora signatária, bem como o Município de Maringá estão buscando solucionar de maneira definitiva o grave problema financeiro do sistema de transporte urbano local, com medidas que irão promover o regular e necessário reequilíbrio do Contrato de Concessão.

Mostrar mais

Notícias Relacionadas

Botão Voltar ao topo

Bloqueador de Anúncios Detectado

Por favor, desative seu bloqueador de anúncios para continuar. Obrigado.