Justiça

Justiça manda vereadora retirar vídeos ofensivos do Face

A vereadora Cristianne Costa Lauer (PSC) removeu quatro vídeos de sua página no Facebook por determinação da justiça, que atendeu solicitação do vereador Flávio Mantovani (Rede) e de sua esposa, Thalita de Campos Garcia. Nos vídeos, Cris Lauer ofendeu Flávio e atacou sua vida pessoal e até ao seu pai, o ex-vereador e ex-comunicador Paulo Mantovani.

O juiz Humberto Luiz Carapurnala, do 2º Juizado Especial Cível de Maringá, que concedeu a liminar, entendeu que o direito à liberdade de expressão não é absoluto e destacou que a Constituição considera invioláveis a intimidade, a vida privada, a honra e a imagem das pessoas. Os ataques feitos pela vereadora extrapolam o campo da opinião e da crítica e visaram depreciar a imagem de Flávio Mantovani, “com declarações ofensivas, de cunho pessoal”.

Foi dado o prazo de três dias para que ela retirasse ou editasse quatro vídeos postados com ofensas no Facebook, sob pena de multa diária. A decisão judicial é do dia 25. Além de cumprir a determinação do juiz e retirar os vídeos, Cris Lauer foi novamente advertida sobre seu comportamento pela mesa executiva da Câmara de Maringá. (inf Maringá News)

Mostrar mais

Notícias Relacionadas

Botão Voltar ao topo

Bloqueador de Anúncios Detectado

Por favor, desative seu bloqueador de anúncios para continuar. Obrigado.